sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Santa Edviges


Santa Edviges, duquesa da Polônia, trazia sempre nos braços uma estatueta de Nossa Senhora. Quando morreu, não foi possível tirar-lhe

das mãos. Quarenta anos mais tarde abriram-lhe o túmulo; verificaram então que os três dedos que seguravam a imagem estavam incorruptos.

N.B.: É de se notar como na Idade Média e mesmo depois, proliferavam santos advindos da classe nobre e das elites; é justamente esta grandeza que fez desta classe a nobreza; ela arrastava o povo com seus magníficos exemplos de virtudes.

Fonte: ADF

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seguidores

Acerca de mim

A minha foto

Alguém que procura um encontro com Jesus.

Arquivo do blogue

A minha Lista de blogues