sábado, 26 de fevereiro de 2011

QUE GRANDE É A TUA GLÓRIA


Muitos ainda Me não compreendem!

Depois da Sagrada Comunhão
Senti que Jesus uniu os seus divinos lábios aos meus, assim como unia também ao meu o seu divino Coração, abrindo-o de par em par para toda me receber, e dizia-me:
― “Minha filha, lábios com lábios, coração com coração, amor com amor para se abrasar num só fogo divino. Minha filha, tenho-te pedido toda a reparação, pedi-te por último a reparação da gula; não te pedirei mais nada. Sou tão ofendido! Roubam, calcam aos pés o alimento dos pobres. As ânsias que tens de te alimentares são as ânsias que os pecadores têm de satisfazere os seus apetites, as suas paixões. As saudades que sentes da alimentação são as saudades que eu tenho de possuir as almas. Tudo termina, mas não como meus breves. Que grande é a tua glória! O mundo não te compreende, alegra-te; também não me compreenderam a mim e ainda muitos não me compreendem.” (Beata Alexandrina: Sentimentos da alma, 30 de Setembro de 1942)

fonte: facebook

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seguidores

Acerca de mim

A minha foto

Alguém que procura um encontro com Jesus.

Arquivo do blogue

A minha Lista de blogues