terça-feira, 19 de abril de 2011

A procura da Cruz


Jesus com sua morte não cessou de nos amar; ama-nos ainda e procura-nos com o mesmo amor com que veio do céu à nossa cura e a morrer por nós.

É célebre a fineza de amor que demonstrou o Redentor a São Francisco Xavier, quando ele viajava. Durante uma tempestade, uma onda do mar havia-lhe roubado o crucifixo. Chegado o santo à praia, sentia-se triste e desejava recuperar a Imagem de seu amado Senhor . E eis que vê um caranguejo vir ao seu encontro com o crucifixo alçado entre suas tenazes. Ele correu-lhe ao encalço e com lágrimas de ternura e amor o recebeu e estreitou ao peito.

Oh! Com que amor Jesus vai ao encontro da alma que o busca, com verdadeiro amor. Poder-se-á pensar que possuem este amor aqueles que recusam as cruzes que o Senhor lhes envia?

Jesus, por amor de nós, não procurou prazeres terrenos, mas os sofrimentos e a morte, apesar de ser inocente. E nós que procuramos por amor de Jesus Cristo?

Um dia se queixava São Pedro, mártir, estando encarcerado, por uma injusta acusação que lhe fizeram, e dizia:

- Mas, Senhor, que mal fiz eu para sofrer esta perseguição?

E o crucificado lhe respondeu:

- E eu, que mal pratiquei para estar pregado nesta cruz?

(A PAIXÃO DE NSJC — Santo Afonso Maria de Ligório — Volume 1 —Editora Vozes Ltda., Petrópolis, RJ — 2ª. edição, 1950, p. 101).

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seguidores

Acerca de mim

A minha foto

Alguém que procura um encontro com Jesus.

Arquivo do blogue

A minha Lista de blogues